sexta-feira, 30 de julho de 2021

Fim de Férias Escolares

 






Foram férias escolares,
Praia vazia, à espera,
Quem arrisca a quimera
Num mundo cheio de pesares?...






















Concede-nos o Dom da leveza, ó Pai!


Mais um semestre começou em Julho, os dias têm passado ligeiros.
Fico impressionada como as semanas se esvaem sem pedir licença.
Mal começa um ano e já estamos ultrapassando a metade dele. Confesso que não suporto pressa nem pressão.
Vivi uma vida de rotina dura e, uma vez aposentada, prefiro ser regrada na correria infundada.
Saboreio cada dia como se só ele existisse.
Creio que é uma vantagem do afastamento da vida ativa.
De uma hora de caminhada, faço gaz para o dia todo.
Paro, observo tudo ao meu redor na natureza, quanta beleza ela põe em meu olhar!
Só fico na gratidão a Deus pelos Dons que Ele nos dá mesmo sem merecermos. 
Ele é tão Bondoso!
Reconheço que tudo de bom que tenho é gratuito.
Muito obrigada, Senhor.






8 comentários:

  1. Oi Roselia querida, bom dia!
    Depois de aposentada a gente muda mesmo e hoje eu sigo as palavras da música do Almir Sater "Ando devagar pq já tive pressa" kk.
    Bjsss amiga e já aproveito p/desejar que o FDS seja maravilhoso por aí

    ResponderExcluir
  2. Acho lindo quando a praia está assim deserta. É assim que gostamos e procuramos. Mas em época de férias, aqui ficam demais,fervem de tanta gente.Lindas fotos fizeste e que boa caminhada contemplativa que recarrega as energias e tanto bem faz! Lindo! beijos, ótimo dia! Tuuuuuuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Amiga Rosélia,
    Fotografias lindas dessa maravilhosa praia! Quanta beleza e serenidade dela emanam.
    Bom demais poder caminhar ao longo da praia respirando a maresia que tanto bem faz ao corpo e ao espírito!
    Aqui agora é contrário: praias cheias. Ainda ontem à tarde ia para caminhar no areal, mas nem me aproximei devido à quase multidão. Há que ser prudente.
    Um grande beijinho e um abençoado fim de semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  4. Tempos tão atípicos , por certo, solitários também, ver estas lindas praias assim, é belo, mas me entristece, pela situação, mas sei que precisamos nos revestir de fé e esperança, que tudo isso vai passar, pois assim como você, sinto tanto a ligeireza que o tempo passa, na verdade não passa, voa... e todos queremos bem vivê-lo.
    Adoráveis suas palavras e seu modo de viver, tendo consciência de que tudo o que é de melhor em nossas vidas é gratuito, mas de inestimável valor. Há de realmente saborear cada dia.
    E a escolha musical, um poema a mais, lindo demais!
    Bom final de semana beijinhos
    Valéria

    ResponderExcluir
  5. Boa noite querida amiga,

    Fotos maravilhosas e texto cheio de significado. O tempo parece voar sem darmos conta, talvez porque tudo à nossa volta é estranho e avassalador.
    Sabe amiga, que esta canção de Almir Sater é quase um hino para mim.
    Numa época bem difícil da minha vida, uma amiga também muito querida, enviou-me esta canção, que na época desconhecia.
    A letra inspirou-me e comoveu-me de tal forma, que reacendeu em mim, a força para continuar lutando.
    Que tenha o mesmo efeito na querida Rosélia, é o meu desejo.


    Ando devagar porque já tive pressa
    E levo esse sorriso
    Porque já chorei demais

    Hoje me sinto mais forte
    Mais feliz, quem sabe
    Só levo a certeza
    De que muito pouco sei
    Ou nada sei

    Conhecer as manhas e as manhãs
    O sabor das massas e das maçãs

    É preciso amor pra poder pulsar
    É preciso paz pra poder sorrir
    É preciso a chuva para florir

    Penso que cumprir a vida
    Seja simplesmente
    Compreender a marcha
    E ir tocando em frente

    Como um velho boiadeiro
    Levando a boiada
    Eu vou tocando os dias
    Pela longa estrada, eu vou
    Estrada eu sou

    Conhecer as manhas e as manhãs
    O sabor das massas e das maçãs

    É preciso amor pra poder pulsar
    É preciso paz pra poder sorrir
    É preciso a chuva para florir

    Todo mundo ama um dia
    Todo mundo chora
    Um dia a gente chega
    E no outro vai embora

    Cada um de nós compõe a sua história
    Cada ser em si
    Carrega o dom de ser capaz
    E ser feliz

    Conhecer as manhas e as manhãs
    O sabor das massas e das maçãs

    É preciso amor pra poder pulsar
    É preciso paz pra poder sorrir
    É preciso a chuva para florir

    Ando devagar porque já tive pressa
    E levo esse sorriso
    Porque já chorei demais

    Cada um de nós compõe a sua história
    Cada ser em si
    Carrega o dom de ser capaz
    E ser feliz.

    Noite serena e abençoada minha querida amiga.
    Só desejo, que seja feliz!

    Beijinho grato.

    ResponderExcluir
  6. Mais uma maravilhosa e carinhosa publicação. Obrigada pela partilha!! :))
    .
    Embriagado...pela solidão dos dias.
    .
    Beijo e um excelente fim de semana.

    ResponderExcluir
  7. Também não suporto pressa ou pressão, meu coração bate em um ritmo lento e gosto de viver minha vida dentro desse ritmo. Não sou nem aposentada e já estou assim, correndo de pressas.

    Amei as fotos do mar, da praia, me deu uma saudade danada de viver uma aventura no litoral.

    https://elfpandora.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Deixe sua Espiritualidade aqui, por gentileza

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...