sábado, 21 de novembro de 2020

Diferenças Existenciais

 


Música que ouvia em criança e me emocionava, lembro muito bem...


Dia em que nos lembramos também da ecravidão que não teve fim com a Abolição da Escravatura... bem sabemos...

Diferenças Existenciais

Consciência negra...
Só para negros?
Disfarçar racismos?
Dia da Dignidade,
Sair da contramão da História,
Dia de assumirmos 
Nossa raça, nosso vigor,
Nosso mero nada
Ante a efemeridade da vida...
Dia de conscientização
Do valor como ser humano.
Dia de sonhar,
Como todos os outros.
Dia de afetividade,
Como todos merecemos.
Dia de apoiar,
De revigorar,
De valorizar
A beleza, 
A diversidade
Em todos os níveis
Da existência humana.
Dia de minimizar 
Todas diferenças,
Todos complexos,
Toda vitimização
De todos os lados,
Enraizados em nós todos,
Indiscriminadamente...
É tempo de consciência
Em distintos valores,
Com novos tons e sabores,
Com odor de transparências
Em todos os niveis
E segmentos sociais.
Até mesmo de advertência...
Quando nos couber,
Não como nos  convier
Tão somente,
Numa alienação
Voraz e demente.
Todos somos pensantes?
Frágeis qual barro
Mas mãos do Oleiro,
Indiscriminadamente.

(Rosélia Bezerra)



E para alegrar nosso dia, pois...

  nossos cabelos não nos negam...

Vamos ouvir uma das maiores representantes negras da nossa música popular brasileira, Alcione..


Maior representação negra no Brasil: Bahia
Aqui no ES, colonização italiana, no sul daqui há muita discriminação...
Que pena!
"20 de novembro,

 Dia de Zumbi
mais do que mero parágrafo 
em livros de História, 
é um esforço 
para a construção social, 
O desenvolvimento da identidade 
em pessoas negras."




13 comentários:

  1. Muito linda tua homenagem a essa sata que deveria ser sempre lembrada e nem precisar de dia especial pra tocar no tema respeito, racismo que nunca é bem acolhido, embora disfarçado tantas vezes. Gostei muito e Alcione bem reperesnta aqui! beijso, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Ah,meu cabelo é minha raíz. Tão lindo amada!
    Tenha um bom fim de semana.
    Xeru

    ResponderExcluir
  3. Um dia de comunhão para repensarmos a humanidade. Mundo mais justo, mais fraterno será uma utopia??? Esperemos que não . Bjs

    ResponderExcluir
  4. poema simplesmente belo! :))
    --
    Tenho sede ...
    -
    Beijo e um excelente fim de semana.

    ResponderExcluir
  5. Uma bela seleção para o Dia da Consciência Negra, que comemora o aniversário de Zumbi dos Palmares.
    Muito bonita e que no Brasil pelo menos ressurja uma consciência da pluralidade e que os crimes cometidos sejam rigorosamente punidos e que todo processo educativo seja revisto.
    Abraço com carinho.
    Beijo de paz amiga e feliz fim de semana.

    ResponderExcluir
  6. Bom dia, Roselia. Se as pessoas dessem tanta importância ao que vai no coração do outro ao invés da textura do cabelo, o mundo seria bem melhor!
    Bela homenagem!

    ResponderExcluir
  7. Uma bela homenagem. Adoro a Alcione, e gostei muito do poema. Para mim não existe raça, negra, branca, amarela ou vermelha. A única raça que reconheço é a humana, seja qual for a cor da sua pele, o seu credo ou a sua opção sexual. Acredito que somos todos filhos do mesmo PAI.

    Abraço, saúde e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  8. Olá Roselia querida, bom dia!
    Post lindo. Pena, mas muita pena mesmo dos que ainda nutrem esse sentimento tão negativo e destrutivo como o racismo. Que Deus os ilumine é o que desejo!
    Bjssss querida em um lindo FDS desejo p/vcs

    ResponderExcluir
  9. Humanidade de toda cor, diversidade, irmandade, empatia acima de etnia.

    Um abraço. Tudo de bom.
    APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde Amiga Rosélia,
    Tão belo seu poema, muito profundo, falando com muita elegância das diferenças existenciais que, infelizmente, ainda existem no que respeita à cor da pele e não só, no dia dedicado à Consciência Negra.
    Todos somos seres humanos, filhos do mesmo Pai e dignos do maior respeito.
    Que haja consciência e amor no coração de quem é preconceituoso.
    Já chega de tanta discriminação.
    Adorei ouvir Alcione, que já não ouvia há bastante tempo.
    Um beijinho e um fim de semana muito abençoado.
    Ailime

    ResponderExcluir
  11. Rosélia, muito significativo e belo seu poema. Escolheu, também, música de que muito gosto. Eu não consigo entender a discriminação. E me surpreendo com as colocações estranhas vindas de autoridades, a propósito do racismo, cuja existência não podemos negar. Espero, com grande ansiedade, que a igualdade entre os seres humanos se transforme em verdade absoluta. Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Bom dia, Rosélia!

    Ferramenta maligna esse tal preconceito que rouba identidade, alegria, contentamento e valor de quem tem valor por ser humano. Mas a cultura de raças faz perder as capacidades múltiplas tornando-as filhas da ingratidão.

    Excelente homenagem.

    Beijo!!

    Renata e Laura

    ResponderExcluir
  13. Uma bela homenagem minha amiga Rosélia.
    E gostei de ouvir a Alcione.
    Boa semana.
    Beijinhos
    :)

    ResponderExcluir

Deixe sua Espiritualidade aqui, por gentileza

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...