sábado, 7 de dezembro de 2019

Humidade




"Como vislumbrar e alcançar a paz,
Se a dor ou o cárcere do coração
Que aniquila a história do meu irmão
N]aome toca, diferença não faz?

Como sentir-me de fato capaz,
De varrer a soberba, e só então
Revelar a arogância, aberração
Que devora o corpo, que putrefaz?

Ó humildade que faxina alma
Que liberta, que elimina o furor
Dê-me resignação, luz e calma.

Burile-me mesmo que eu sinta dor
Faça-me enxergar que toda vivalma
É digna de luz, de paz e de amor."

Um comentário:

  1. Lindo ,Rosélia! A humildade faz de nós melhores...Aqui cedinho curtindo na Serra ...bjs,chica

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...