sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Partir de Mãos Vazias

(Ruínas dos Jesuítas)

"Conta-se que o General grego Alexandre, quando próximo da morte, depois  de  haver conquistado tantas terras, teria declarado que, ao morrer, poderiam sepultá-lo num caixão sem tampa, para que todos soubessem que partia desse mundo de mãos vazias. "





3 comentários:

  1. Interessante relato aqui e assim devemos partir...Nada levaremos...Apenas deixaremos... beijos, chica, ótimo feriadão!

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida Roselia!
    Partimos de mãos vazias, mas levando no coração espiritual o resultado das nossas ações e escolhas.
    Uma música que acalma o coração, não conhecia.
    Um abraço e ótimo fim de semana.
    Sônia

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...