domingo, 12 de outubro de 2014

Revendo Minha Infância Longínqua



Fui batizada pequenina, com 2 meses no dia 07/09 e logo no dia do nascimento da Mãe de Deus...


Anjo da Guarda sempre me protegeu e teve presença marcante na infância e até hoje...



Santos sempre foram bons amigos...



Tinha temperamento alegre e amável...


Calada e recolhida, entretanto, tida como teimosa, tratada com rigor, censuras, falta de elogios...


Escrúpulos demasiados tive na idade adulta por isso... na conversão, aridez demasiada...


Sem compreensões para os meus estados de alma  na maturidade...

Muito sofrimento...


Mais tarde minha alma transbordaria felicidade...



Desejo irresistível ao Santíssimo Sacramento...



Muita humilhação e sofrimento me foram garantidos...


Peregrina sempre fui...

Nunca me faltou o Auxílio de Deus...



Inteligente e perseverante Ele me fez...


Viva a minha criança interior que nunca morreu em mim!




A festa de hoje quer colocar você em contato com a criança inocente que existe em você, quer dar-lhe a coragem de viver puro e permeável. 
A criança inocente que existe dentro de você gravará neste mundo um traço que permanece, testemunhará o mistério da vida a muitos. O que constitui o nosso valor não é o que fazemos ou possuímos, mas o nosso ser que é sempre dádiva.
(Anselm Grün)

Existe em nós o bebê mal-amado que espera dos outros, sem cessar, o que ele não teve.
Existe o adolescente com o seu ideal mas também com a sua intransigência, seu egoísmo.

Existe o adulto que tem necessidade de amizade, de trocas.

6ª apresentação

Estou aqui:
http://vendedordeilusao.blogspot.com.br/2014/10/prosas-poeticas-na-6-apresentacao-traz_11.html

5 comentários:

  1. Que lindas fotos e volta oa túnel do tempo! Um amor! bjs, ótimo dia das crianças por aí! chica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Roselia, amei ver e ler sobre você, viver é mesmo uma grande proeza né amiga?
    Ainda bem que tens em lembranças, embora nem todas boas, mas as lembranças de nossa infância nos faz perceber o que somos hoje, acredito que hoje és mesmo feliz, não deixastes morrer a criança dentro de si, eu também tenho muitas lindas lembranças de minha infância que quero sempre poder a elas recorrer em momentos difíceis!
    Abraços e feliz dia das crianças!

    ResponderExcluir
  3. Quantas recordações maravilhosas e quantos carinhos no decorrer da sua vida! Que Deus continue abençoando a criança viva em sua existência!.
    Abração.

    ResponderExcluir
  4. Olá. Rosélia, como vai?
    Passeei contigo nas imagens e nos relatos, ora felizes, ora tristes, o importante é que de sua história brotou a maturidade e a escolha pelo caminho da suavidade, da felicidade. Essa é a escolha que faz a diferença entre as pessoas. Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. E que criança linda você era, uma bebezinha fofa, adorei ver as fotos que acompanham o teu crescimento, eu não tenho fotos, apenas uma, bjos Luconi

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...