sexta-feira, 18 de maio de 2018

A Santidade dos Pequenos Gestos


“Esta santidade, a que o Senhor te chama, irá crescendo com pequenos gestos. 
Por exemplo, uma senhora vai ao mercado fazer as compras, encontra uma vizinha, começam a falar e… surgem as críticas. 
Mas esta mulher diz para consigo: ‘Não! Não falarei mal de ninguém’.
 Isto é um passo rumo à santidade. 
Depois, em casa, o seu filho reclama a atenção dela para falar das suas fantasias e ela, embora cansada, senta-se ao seu lado e escuta com paciência e carinho. 
Trata-se doutra oferta que santifica. 
Ou então atravessa um momento de angústia, mas lembra-se do amor da Virgem Maria, pega no terço e reza com fé”.
(Gaudete et Exsultate)

3 comentários:

  1. Muito legal e em qualquer lugar a santidade pode transparecer! bjs, chica e ótimo dia!

    ResponderExcluir
  2. Bem interessante estas propostas de viver pelo bem com o bem.
    Bjus de paz amiga.

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante, Nunca tinha pensado em santidade nessa vertente.
    Abraço

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...