sexta-feira, 9 de março de 2018

Fé (I)




A noite era apenas uma parte do dia.

E assim como podia ser protegida pela Luz, podia ser protegida pelas trevas.
As trevas faziam com que ela invocasse aquela presença protetora.  
Precisava confiar nela. 
E essa confiança se chamava fé. 
Ninguém jamais poderia entender a fé. 
A fé era exatamente aquilo que estava experimentando agora, um mergulho sem explicação numa noite escura como aquela. 
Existia apenas porque se acreditava nela. 
Assim como os milagres também não tinham qualquer explicação, mas aconteciam para quem acreditava em milagres. 
(Paulo Coelho)


6 comentários:

  1. A FÉ é sempre ótima parceira e companhia! Lindo fds! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. É o devemos ter sempre!
    FÉ,sem ela não somos nada.
    Bjs Rosélia,obrigada pela visita e um ótimo final de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  3. A fé existe para quem a tem. E não tem explicação, ou discussão. Tem-se ou não se tem e pronto.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  4. Ter fé é ter Deus no nosso caminho, sei com toda a minha fé que a amiga Rô tem fé em tudo o que a rodeia e é uma irmã de Deus, amei a música deu-me serenidade beijinhos e um forte e terno abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga, ouço-a sempre há mais de ano. Realmente é linda! Bjm

      Excluir
  5. Maravilhosa partilha querida amiga ,muitos beijinhos no coração felicidades

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...