sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Viver Intensamente




Leloup:
Nada mais tenho sob meus pés
Nem o solo nem o sol
E sinto um leve martírio
Uma vaga liberdade.

O dia me assombra e a noite me faz medo.

O Verão me obceca e o Inverno me persegue.
Um animal sobe a neve colocou.
Suas patas na areia ou na lama
Suas patas vindas de mais longe que meus passos

Em um rastro onde  a morte
Tem as manias de vida.

4 comentários:

  1. lindo ste poema ,Rosélia !Ótima escolha.Beijo

    ResponderExcluir
  2. Bela leitura aqui proporcionada! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Olá Amiga,
    Muito profundo este poema/reflexão de Leloup!
    Para interiorizar.
    Um beijinho e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...