segunda-feira, 28 de setembro de 2015

O Absurdo e a Graça




O Absurdo e a Graça
(Leloup)

Não receio ser muito humano.
Receio não ser nem um nem outro ou não ser o bastante.
Receio faltar humanidade, após ter fugido de sua sombra ou tenha negado, acabam por aceitá-la e por amá-la como a si mesmo.


Um comentário:

  1. Boa tarde Amiga,
    Um pensamento muito profundo que me deixou inquieta.
    Se renegamos a Cruz, como poderemos afirmar que somos humanos?
    Será por esse facto que no Mundo actual há tanta desumanidade?
    (Desculpe as questões;))!
    Leloup tem razão no que diz!
    Para reflectir.
    Um beijinho.
    Ailime

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...