domingo, 31 de agosto de 2014

Vida Interior (V)



Que característica tem a sua oração?
Você se entedia com ela?
Que você faz durante o exercício e oração?
Você desanima com a superficialidade de sua oração?
Você se distrai muito? Com que coisas?
Você se sente frustrado em sua relação com Deus?
Você vive a sua oração diária como um peso e como uma carga?
Você se limita a cumprir a sua obrigação de fazer oração?
Você abandonou sua oração, por desânimo, por longos períodos de tempo?
Você leva muito tempo sem fazer oração? Por que?
Você teve confiança de que pode melhorar a qualidade de seu exercício de oração?

Você se sente, humildemente, com vontade de aprender a rezar?

Esta Série faz parte da festa de 5 anos do blog...

9 comentários:

  1. Rosélia por favor me desculpe, meu note pifou há uns tres dias e eu hoje consegui o note emprestado da vizinha, uma pessoa bem generosa e consegui vir, mas estive afastada da festa, vejo que está bem bonita, com postagens bem ricas de amor e fé, a vizinha vai me emprestar duas vezes na semana então volto para ver a continuação da festa, bjos Luconi

    ResponderExcluir
  2. Rosélia,

    Sou humilde e quero aprender muito mais a rezar, mas o meu relacionamento com Deus é muito intimo.
    Em minhas orações, converso com ele, e nunca fico entediada. - Ás vezes, me distraio sim, mas logo eu me alerto e volto pra oração.
    Preciso orar mais. Sinto isso em meu coração.
    Um lindo Domingo! Beijos

    ResponderExcluir
  3. Quanto mais eu oro mais me encontro
    com Deus.........Orar é elevar a alma ao Pai

    Abraços com carinho de sempre

    ______________Rita!!

    ResponderExcluir
  4. Eu não me prendo a nada de frases feitas, orações existentes, tantas vezes simpoles decorebas, até pelos padres lá na igreja ditas sem nem pensar. Não preciso delas! Minha reza é uma conversa direta com o Alto! bjs, lindo domingo,chica

    ResponderExcluir
  5. Sempre é possível melhorar o nosso exercício de oração, que não classifico como "exercício", mas como doação pelo muito que recebemos...
    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Olá, Rosélia!
    Minha oração passou a ser mais acertiva quando comecei a rezar com o coração, sem seguir tanto palavras pré determinadas, embora o faça esporadicamente. Também gosto de frequentar missas, não vou todas as semanas, mas quando vou me entrego a cada palavra lida e proferida. Uma braço!

    ResponderExcluir
  7. Rosélia, a oração faz parte do meu dia a dia. Creio em sua importância, pois é através dela que posso sentir a presença de Deus em mim. Oro todos os dias pela manhã e noite. Por vezes tenho dificuldade de me concentrar, mas quando isso acontece, reinicio minha oração, até conseguir a concentração necessária. Não me desanimo nunca, nem com a oração, nem com Deus, pois sei que Ele sabe muito mais do que eu, portanto aceito as coisas do jeito que são. Muita paz!

    ResponderExcluir
  8. Ótimas reflexões,Roselia! A oração está na minha rotina,mas não vejo como obrigação,mas satisfação e um momento de paz muito necessário pra mim. bjs,

    ResponderExcluir
  9. Rosélia não estranhe deixei uma postagem programada ontem em homenagem a você ontem, mas esqueci de vir aqui te avisar, corri e pedi para a minha maravilhosa vizinha para entrar um pouquinho só para vir ao teu blog te avisar, obrigada meu anjo, ainda bem que eu e a minha vizinha somos corujas, dormimos sempre tarde, agora me vou, espero que goste, Luconi

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...