segunda-feira, 11 de março de 2013

Medo - Semana Colorida

Uma iniciativa da querida Anne do blog:




Medos













Ele te cobrirá com Sua Pluma, sob Suas Asas encontrarás Refúgio.
(Sl 90)




Interroguemo-nos...

Do futuro...
Da falta de emprego
Do ônus financeiro do lar
Da doença
Da velhice
Do abandono
Da ofensa
Da rejeição
Do fracasso
De morrer
De ter medo
De ataques de pânico
Do novo
Do inesperado
Das condições externas
De sair do casulo
Da crítica
De cometer erro
Do julgamento dos outros
Da avaliação
Do próximo passo
De ler diante de um grupo
De tomar a palavra numa discussão
De me expor
Do ridículo
De ser humilhado
Da vergonha
De ser ferido
De Deus
Do inferno
De pessoas hostis
Da solidão
Dos novos relacionamentos
De me enamorar
De mim mesmo
De fracassar
De sucumbir
De receber pouco amor
De ficar no prejuízo
De perder a identidade
De perder o chão
De naufragar
Da vida
Da morte
De não agradar
Do futuro
De espaços grandes
De espaços pequenos

Cada um sabe quais são os meus próprios medos. Ir mais profundo que todos os nossos medos; é preciso encontrar esta confiança fundamental, esta confiança original, esta confiança no Sopro. Em nós respira e, por alguns instantes, prová-Lo, saboreá-Lo, deixar que Ele lave e nos purifique.
Estar presente n’Aquele que está Presente.
Habitação no silêncio...
Afasta o medo...
Conviver com meus próprios temores e insegurança...
A auto confrontação é a batalha mais árdua de todas...
Existem em nós todos os tipos de medo e é preciso reconhecê-los e não nos fecharmos neles...

Ele te cobrirá com Sua Pluma, sob Suas Asas encontrarás Refúgio.
(Sl 90)

Medo de se expor o seu lado mais frágil... ansioso por ser reconhecido como bem sucedido e brilhante?
Somos da geração dos medos...
Estamos no século dos medos... 
Vivemos numa atmosfera dos medos...
Qual é o medo que faz você tremer na base do seu próprio eu?

Conte para nós, partilhe a sua dor (o medo se torna uma dor da alma nossa)...
P.S.
Numa linha oriental, o medo é representado pelo animal coelho... tudo a ver, não?
Particularmente, tenho como temperamento o lindo animalzinho arisco e fujão...
Haverá nisso uma proteção (autodefesa) elementar para minha felicidade... retrocedo e volto ainda mais forte... Deus é sábio e, para todo medroso, tem uma solução perfeita!

Conversão do coração
Atenágoras (patriarca)
É necessário conseguir desarmar-se
Eu travei essa guerra por anos e anos
Foi terrível! Mas, agora, estou desarmado,
Não tenho mais medo de nada...

Porque o amor afasta o temor
Estou desarmado da vontade de embotá-la,
De justificar-me à custa dos outros
Não estou mais alerta,
Meticulosamente agarrado às minhas riquezas.
Acolho e partilho
Não me atenho, em particular, às minhas ideias, aos meus projetos
Se me são propostos outros melhores,
Acolho-os de bom grado.
Mesmo que não sejam melhores, mas bons.
Vós sabeis, renunciei ao comparativo...
Aquilo que é bom, verdadeiro, real, onde quer que esteja,
É o melhor para mim...
Portanto, não tenho mais medo.
Quando não se tem mais nada, não se tem mais medo.






11 comentários:

  1. Que lindo post, lindas reflexões essas tuas. Adorei os coelhos. beijos,linda semana,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida amiga Chica
      Refletir para progredir!!!
      Bjm de paz e orante

      Excluir
  2. Muito interessante essa postagem, muito de seus medos também são os meus..o que seria de nós se não fosse o medo? Acho que se não tivéssemos medo talvez não haveria fé.
    Tenha uma ótima semana.
    Beijos
    Jack
    www.meucantinhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida Jack
      Per-fei-to!!!
      A fé é o contrário do medo... vc disse muito bem...
      O medo é a gente e a fé é Deus em nós...
      Portanto: quanto maior for o medo... mais Deus entra nos brindando com a fé...
      Lindo ler o seu comentário, viu???
      Bjm de paz e bem

      Excluir
  3. Beleza de postagem.O medo é necessário, não o pavor, mas a fé tudo vence.
    Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, amigo Tunin
      Creio nisso piamente...
      Bjs fraternos de paz e bem

      Excluir
  4. O medo, medo, medo, medo, medo, medo.....
    Não é assim a aquela música?
    Fiquei maravilhada com sua forma clara e precisa de descrever a maioria dos medos que nos afligem...
    Quem não os tem por mais seguros que sejamos?
    Sempre bate aquela dúvida... e sempre nos auto-respondemos, como vc mesmo disse com a força da fé!
    bela forma de iniciar a semana!
    Parabéns pela mensagem
    bj Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida amiga Sandra
      E admitir é um grande passo... bom início do autoconhecimento...
      Quando o fiz, fui bem mais feliz!!!
      Bjm de paz e orante

      Excluir
  5. Roselia,linda demais a sua participação! Não nego que tenho muitos medos e não saberia dizer qual o maior mas, maior que meu medo é Deus!Nele sempre confio!Obrigada por essa maravilhosa participação na semana colorida!bjs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida amiga Anne
      Vc foi muito sincera: nem sempre confiamos o suficiente... Deus é Generoso demais conosco!!! Nos acolhe com amor, ao invés de nos rejeitar pela pouca fé...
      Bjm de paz e orante

      Excluir
  6. Querida Rosélia,
    Medos? Tenho muitos mas Deus está presente sempre para nos proteger
    Muito linda a sua participação, amiga
    Amei!!!
    Linda Semana para tí
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...