quarta-feira, 25 de julho de 2012

A Saúde Como Tarefa Espiritual



Inácio de Loyola tinha algumas orações de sua preferência.  Além daquela conhecida como “Oração de Santo Inácio”, extraída dos seus Exercícios Espirituais, a Alma de Cristo era, sem dúvida, uma de suas preferidas.  Ao celebrar a festa do Santo – dia 31 de julho – deixamos aqui as duas orações, para sua reflexão.
Oração de Santo Inácio
Tomai, Senhor e recebei
Toda a minha liberdade, a minha memória também.
O meu entendimento e toda a minha vontade
Tudo o que tenho e possuo, vós me destes com amor.
Todos os dons que me destes, com gratidão vos devolvo
Disponde deles, Senhor, segundo a vossa vontade.
Dai-me somente, o vosso amor, vossa graça
Isto me basta, nada mais quero pedir.

Alma de Cristo
Alma de Cristo, santificai-me.
Corpo de Cristo, salvai-me.
Sangue de Cristo, inebriai-me.
Água do lado de Cristo, lavai-me.
Paixão de Cristo, confortai-me.
Ó bom Jesus, ouvi-me.
Dentro de vossas chagas, escondei-me.
Não permitais que eu me afaste de vós.
Do espírito maligno, defendei-me.
Na hora da minha morte, chamai-me e mandai-me ir para vós
para que, com os vossos santos, vos louve por todos os séculos dos séculos.
Amém.

Dr. Branden, com licença, mas gostaria de lhe fazer uma pergunta pessoal. 
- O AMOR ROMÂNTICO não o assusta?
- Por que me assustaria?
O senhor está com cinquenta anos. Não se espera que pessoas dessa idade falem em amor romântico com tanto ardor. Tenho só vinte e oito...
Penso em todas as cosias que podem dar errado- como a pessoa me deixar, apaixonar-se por outra pessoa ou afastando-se por questão de trabalho ou então o outro morrer...
É tão assustador!
O senhor já viveu uma tragédia em sua vida...
E está começando um novo relacionamento agora... não sei de onde vem essa coragem, sim coragem é a palavra certa...
Acho que não quero paixão na minha vida, não quero intensidade, não quero ir fundo... Penso que, para mim é segurança que vale... 
O doutor lhe disse:
- Você está dizendo que para você é mais importante evitar a dor do que sentir alegria?
Então comentei: 
- Bom, essa é uma escolha, não é?
Além disso, do modo como o senhor escreveu, o amor é uma responsabilidade... exige muito de nós...
- Sim, de fato, concordei...
Sei que parece uma coisa horrível, ele confessou, mas estou certo de que quero essa espécie de responsabilidade, finalizou...
Caso o leitor considere o amor romântico sinal de imaturidade, neurose...

Leia o livro:
Auto estima, liberdade e responsabilidade
(Nathaniel Branden)

A autodisciplina de se comprometer e ser feliz...

"A JUSTIÇA PODE FRACASSAR UMA VEZ NA VIDA, MAS, AO FINAL, TRIUNFA NO TRANSCURSO DA HISTÓRIA".

Autoestima, Liberdade, responsabilidade

A autodisciplina de se comprometer e ser feliz...

Refletir sempre sobre os aspectos positivos da minha vida: infância feliz... pai... padrinho... empregos... educação que recebi... familiares... filhos... netos... religiosos e religiosas que me ajudaram...

Decepções e contrariedades, adversidades... agitações... AGRADECER...

O que há de bom em minha vida?

O que precisa ser feito?

Independência... autoconfiança... autogerenciamento...
Plano físico, emocional, intelectual, espiritual...
Confiar na minha inteligência...
Compreender meus limites...

Uma amiga, uma certa vez, me disse:
- Você cai e levanta rapidinho!
(Minha irmã e amiga Iara Caprini)

Ter acesso ao meu potencial...
Melhorar a minha qualidade de vida

EMERGIR...

O que sou?
O que penso?
O que sinto?
O que quero?
A que me disponho a ser responsável?
Como traduzir, em atos, o que estou aprendendo?
O que sei é verdade?
O que valorizo?
O que respeito?
O que estou disposta a defender?

O Outono da Vida

Senhor, que eu aprenda a lição da folha seca!
Quem mais olhe por ela?
Parece inútil e desnecessária...  não tem mais o vigor das suas irmãs, as folhas verdes...
Foi descartada e lançada a sombra que dá a frondosa copa... Outrora abrigava a quantos por ali passassem no escaldante valor de verão...
Senhor, cabe-lhe ainda alguma missão?
Sim, meu filho!
Com suas irmãs caídas por terra ao  longo da estação, cabe-lhe GUARDAR O ORVALHO DAS MANHÃS, manter a umidade do terreno enquanto o inverno não vem... Debaixo dele pode ainda as formigas e outros insetos encontrarem abrigo... pode ainda haver vida... Pode mesmo se esconder os cogumelos... Depois deve deixar-se pisar, merecidamente, para os animais que por ali passarem, até o total esfacelamento, deve ser tragada, consumada, deve fazer-se pó... fertilizar a terra... Deve descer até à raiz da árvore, sua primitiva morada, para que venha a produzir novas folhas, novas flores, novos frutos, novas sementes...
Senhor, é duro ser como a folha seca!
Por isso, oro hoje por todos os meus irmãos que, quais folhas secas, depois de terem dado todo o vigor de suas vidas... terem sido sugado pelos filhos, netos e bisnetos... foram abandonados na solidão dos asilos, foram esquecidos nos leitos dos hospitais...
Não deixeis, Senhor, que eles percam sua dignidade na sua esperança... Que eles saibam que são sempre lembrados, sempre amados, por Aquele que se esvaziou de si mesmo para fazer-se em tudo pelos outros...
Senhor, dai-me a coragem para ser folha seca...
Que eu não tenha medo de me perder para te encontrar!
Amém!


Uma parte preferida em meu corpo são os olhos... não só por mim  mas por quem me conhece...
Esse "elogio" eu aprecio... muito mais do que quando mencionam as pernas também...


O meu corpo, para mim, é como se fosse uma pérola...

Cuido dele com carinho, prezo-o com todo zelo...
Uma vez alguém me disse assim: eu passo por qualquer lugar a qualquer hora porque eu não tenho nada a perder mais...
Ora, que engano!
No meu ponto de vista, temos sim muito a perder se o nosso corpo é violado na sua integridade física, emocional e espiritual...

Todo o conjunto harmonioso do meu corpo é pérola para mim...


Poderia me perder em falar mil coisas mas, quando cheguei de uma Missão no Domingo, vi a blogosfera adornada com essa blogagem e disse à Aleska o motivo porque perdi essa oportunidade de partilha e interação com assunto tão polêmico hoje em dia em base à vulgarização do corpo feminino... não só por parte do homem de um modo em geral como por nós, mulheres...

Aleska me disse que poderia postar até sexta, sendo assim, vou me lançar no que logo em mente me veio com o Tema:


1Co 3,16 - Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?

1Co 6,19 - Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?

“Será que vocês não sabem que o corpo é o Templo do Espírito Santo, que vive em vocês e foi dado por Deus? Vocês não pertencem a vocês mesmos, pois Deus os comprou e pagou o preço. Portanto, usem os seus corpos para a glória Dele.” (1Co 6,19-20)

Se formos fiéis ao que a Palavra nos fala... nem precisa eu me perder em palavreados inúteis... é só refletir e aprofundar... sendo assim, é só por em prática...
E tenho conseguido, pela graça de Deus, me preservar de todo o mal (erro no alvo)... 
A Misericórdia de Deus é imensa...
Não desejo contristar o Espírito Santo de Deus que em mim habita de forma alguma...

Inclusive li um livro nos últimos dias que pontua bem essa questão:
À flor da pele
(Antônio Gil Neto e Edson Gabriel Garcia- História de amor urbano e pós moderno)
Me foi presenteado pela querida "Pandora" por um sorteio no blog cujo resumo vou aplicar num post em breve...

Ser bonito por dentro e por fora, eis a questão!
Isso é surpreender, no meu ponto de vista... e na fala do livro igualmente...


A Saúde Como Tarefa Espiritual

Onde eu errei?
Quando foi que eu fui reprimido?
Quando foi que deixei de viver corretamente?
O que me pretende dizer essa enfermidade?
A quem devo dar atenção em minha vida?
O que eu deveria mudar?
O que a doença pretende me dizer?

O que Deus quer me dizer através da doença?
Diante de qual tarefa espiritual a doença me coloca?

A FÉ CURA!
(Dake A. Matthews)

O que os sintomas da doença pretendem me dizer?
Onde não estou lidando corretamente comigo?
Do que me descuidei, do que preciso, o que faria bem a mim?

A DOENÇA É UM CHAMADO DE DEUS PARA APRENDER O PRAZER DE VIVER.

Estive dando atenção ao MEU CASTELO INTERIOR... neste último mês... a exemplo de Teresa de Ávila...
Aliás, desta vez, fiquei na Cela de S. Teresa, coincidentemente, no Mosteiro...

Retirei o trecho do livro que li na minha última Missão:

A saúde como tarefa espiritual
(Anselm Grün/ Meurad Dafner)



9 comentários:

  1. Realmente belo, uma reflexão e tanto sobre cuidar do seu eu interior! Linda mensagem!

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo e essa missão deve ter sido o máximo!!beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
  3. Oi Rosélia!
    É, muitas vezes negligenciamos a saúde e deixamos de fazer esta reflexão.Devemos estar atentos a estes sinais.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  4. Rosélia, renovar as energias, principalmente as espirituais, nos aproximam mais de nós mesmos e de Deus.
    Quando estiver em BH, será um prazer nos vermos.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Eu não tenho dúvida: todo problema de saúde que eu tenho me mostra que preciso ser paciente e esperar o tempo de Deus! Mas, como sou cabeça dura! Eu bem que tento ser paciente e aprender de vez a lição! E aí, já começou a preparar o bolo? O guaraná já está na geladeira? Vai ter brigadeiro? BJks Tetê

    ResponderExcluir
  6. Acredito que toda doença seja na verdad,e uma forma de nosso corpo mostrar que precisa de uma pausa, e que nós precisamos pensar na vida.
    As vezes o órgão afetado está ligado a uma doença específica do espírito. Os pulmões eu creio que estejam ligados a medo e angustia, o fígado à raiva e o estômago está totalmente ligado ao processamento de energias.

    ResponderExcluir
  7. Ah Roselia! se quiser participar pode postar até sexta feira. Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Rosalia, la salud espiritual es un trabajo de la gracia que da el estar con diálogo con Díos , como dos enamorados.De allí, aunque nuestro cuerpo enferme, el espíritu le ayuda a soportar el dolor y fortalecer la fe.
    No he entendido muy bien su comentario en mi blog y he pedido ayuda para que me lo traduzcan.Le contestaré cuando sepa qué es lo que me pide.
    Con mil besos de ternura le dejo mi bendición
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  9. Boa noite, passando para visitar, e comunicar que...

    ***********************


    ... depois de 14371 visualizações
    389 comentários
    52 postagens
    69 seguidores
    +/- 40 visualizações diárias
    É chegada a hora da mudança.
    À partir de hoje o Luz Divina e o Eu e o tempo é um só.
    Ficando a experiência, dedicação e muita aprendizagem.

    Aguardo a sua presença, e se possível, ser um seguidor também do EU E O TEMPO.
    Muito obrigado!

    Grato;

    Leandro Ruiz

    http://eu-e-o-tempo.blogspot.pt/

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...