sábado, 30 de junho de 2012

Sabedoria que Brota do Cotidiano (XVI)


Cassiano

João, abade de um grande Mosteiro, foi ao Abba Paésio que tinha vivido por quarenta anos muito longe, no Deserto.
 Como João gostava muito do Paésio e podia, portanto, falar-lhe livremente, disse-lhe:
-Qual foi o bem que me fez, vivendo aqui retirado por tanto tempo e não sendo facilmente incomodado por ninguém?


E o Abba Paésio retorquiu:
- Desde que moro na solidão, o sol jamais me viu comer.
Mas Abba João lhe disse:

- Quanto a mim, por tanto tempo quanto vivi em comunidade, o sol jamais me viu encolerizado...

5 comentários:

  1. Querida amiga, sempre uma linda mensagem. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  2. Sempre lindo,Rosélia!!Ótimo domingo, tudo de bom,beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Oi Rô! Já de volta a terras tupiniquins? rs...rs...rs... Também estou com saudades, não vejo a hora de poder sair e bater pernas! Só tenho ido à rua para médico(exames e fisioterapia)e missa. Ando com a sua lembrancinha de Páscoa na bolsa, na esperança de te ver e entregar. Ontem fui ao correio mas não tive a mesma sorte daquele vez que nos vimos lá... Não vejo a hora de Deus me liberar! Bjks e um abençoado domingo! Tetê - Manancial

    ResponderExcluir
  4. Oi, Rosália, querida!!!

    Espero que esteja bem, feliz, com saúde e com Deus sempre a lhe abençoar!

    Um ótimo fim de semana!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Regina F. Murbachdomingo, julho 01, 2012

    Bom dia Rosélia. Linda história sobre semear e colher. Deus nos ensina através das palavras de Jesus, que quem planta bons frutos, colherá sempre o bem. Vc sempre irá colher bons frutos, é uma amiga que sabe plantar só o bem. Bjs Deus te abençoe.Regina.

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...