sábado, 23 de junho de 2012

Sabedoria que Brota do Cotidiano (XII)


Certa vez, uma pessoa entregou alguns figos secos aos Monges de uma Comunidade.
Como não valiam nada, ninguém os levou ao Abba Arsênio para não o ofender.
Sabendo disso, o ancião não foi naquele dia à reunião comunitária e disse:

- Vocês me puseram de lado não me dando um aparte das bênçãos que Deus lhes mandou e que, provavelmente, eu não era digno de receber.
Todos os que ouviram isso, ficaram edificados. Então, um dos Monges levou para ele os pequenos figos, enrugados e secos e Arsênio foi a reunião da comunidade de novo com alegria.


(D. Chittister, OSB)

2 comentários:

  1. Sempre edificantes essa série que vc posta, Rosélia! Estou com saudades e espero que vc esteja bem! Beijão!

    ResponderExcluir
  2. Linda mensagem amiga!
    Tudo na vida tem o seu valor
    e importância.
    Abraços! Um final de semana
    abençoado pra ti

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...