segunda-feira, 2 de abril de 2012

Esquecer Para Lembrar

ESQUECER PARA LEMBRAR

Publicado em 15/11/2008 no http://espiritual-idade.spaces.live.com/
EM TUDO SEJA DEUS GLORIFICADO!
 (S. Bento)

Um amigo meu comprou uma casa velha demais de um século, conservada, como muitas que existiam naquela região. Muitas coisas a serem consertadas. Tudo teria que ser pintado de novo.
Antes de pintar com as cores novas, ele achou melhor raspar das paredes a cor velha, um azul sujo e desbotado. Raspado o azul, abaixo dele surgiu uma cor rosa, mas velha ainda que o azul. Raspou-a também.
Aí apareceu o creme e depois dele surgiu uma cor rosa, mais velha ainda que o azul, raspou-a também. Aí apareceu o creme, e, depois do creme, o branco.
Cada morador havia coberto a cor anterior com uma cor nova e assim ele foi indo. 
Pacientemente, camada por camada. Queria chegar à cor original, que apareceria depois que todas as camadas de tintas fossem raspadas. Finalmente o trabalho terminou.
O que encontrou foi uma surpresa inesperada que o encheu de alegria. Mais bonito que qualquer tinta: madeira linda, o maravilhoso pinho de riga, com nervuras formando sinuosos arabescos cor castanha contra um fundo marfim.

Parábola: somos aquela casa ao nascer, somos pinho de riga puro. Mas logo começam, demãos de tinta.
Cada um pinta sobre nós a cor de sua preferência. Todos são pintores: pais, avós, professores, padres, pastores. Até que o nosso ser verdadeiramente desaparecer.
Claro, não é com tinta e pincel, é a fala. São as palavras.
Falam, as palavras grudam no nosso ser, entram na carne, ao final, o nosso ser está coberto de tatuagens da cabeça aos pés.
Educados, quem somos?
"O intervalo entre os nossos desejo e aquilo que os desejos dos outros fizeram de nós." Responde Álvaro Campos.


“Procuro despir-me do que aprendi. procuro esquecer-me do modo de lembrar que me ensinaram e raspar a tinta com que me pintaram os sentidos.
Desencaixotar minhas emoções verdadeiras. Desembrulhar-me e ser eu, não  ALBERTO CAEIRO, mas um animal humano que a natureza reproduziu. Mas isso (triste de nós que trazemos a alma vestida!) exige um estudo profundo, uma verdadeira aprendizagem de desaparecer." 
Uma desidentificação.





É Preciso Não Esquecer Nada
É preciso não esquecer nada:
Nem a torneira aberta nem o fogo aceso,
Nem o sorriso para os infelizes
Nem a oração de cada instante.

É preciso não esquecer de ver a nova borboleta
Nem o céu de sempre.

O que é preciso é esquecer o nosso rosto,
O nosso nome, o som da nossa voz, o ritmo do nosso pulso.

O que é preciso esquecer é o dia carregado de atos, a ideia de recompensa e de glória.

O que é preciso é ser como se já não fôssemos,
Vigiados pelos próprios olhos
Severos conosco, pois o resto não nos pertence. 


(Cecília Meireles)

10 comentários:

  1. Bom dia, doce Rosélia!!!

    Lindo texto!!!

    Que sua semana seja ótima, com paz, harmonia e muitos carinhos.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida amiga
      Que tem a doçura no coração vê a todos doces criaturas...
      Bjm de paz

      Excluir
  2. Ro, bom dia!
    Acho que todos nós podemos retirar um pouco dessas tintas.
    Boa semana
    Xeros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida Carla
      E depois deixarmo-nos ser pintados pelo Pintor Bondoso...
      Bjm de paz

      Excluir
  3. Boa tarde Rô.
    Quantas tintas!
    E o mundo vai fazendo a sua pintura em nossa vida.
    Cabe a nós decidir se deixaremos ser pintados por cores de arco-iris ou cores escuras.
    Bjos querida.
    Nos falamos à noite

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,querida amiga
      E o Pintor vai retirando e tornando a colocar...
      Bjm de paz

      Excluir
  4. Oi Rosélia!
    Falei algo parecido n penúltimo texto de meu blog. Vamos introjetando algumas características que vão aos poucos percebendo em nós e ao reforçá-los vamos nos transformando seja para o bem ou para o mal. É muito complexo isso. Buscar a nossa essência é fundamental para chegar a nossa harmonia.
    Beijinhos e uma semana abençoada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida Valéria
      A busca compassiva do nosso EU REAL é imprescindível...
      Bjm de paz

      Excluir
  5. Respostas
    1. Olá, querida Marcela
      Álvaro Campos fez uma beleza de dicas pra nós todos...
      Bjm de paz

      Excluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...