quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Teia Ambiental


Hoje estou participando (como todo dia 7 de cada mês) da TEIA AMBIENTAL da querida Flora: http://floradaserra.blogspot.com/

e do amigo Gilberto: http://brasilan.blogspot.com/

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
Andando pelo Brasil afora... morando em Rondônia... pude ver ao vivo e a cores a cultura típica do açaí... que tomo como um exemplo desse post.
Em nosso Mosteiro, havia um enorme pé de cupuaçu... onde fazíamos doces, bombons... geléia...
A majestosa castanheira com a antiga castanha "do Pará"... (atual "do Brasil")... estava presente por toda parte... pena que as queimadas destroem por demais a riqueza da região norte do Brasil... pouco a pouco tudo vai se apagando... com o fogo criminoso ou acidental pelo enorme calor que se faz presente...

Não há preocupação alguma com a preservação do meio ambiente... escolho, hoje, explorar um pouco a PROTEÇÃO AMBIENTAL...
Começaria abordando a questão pessoal do ser humano cuja forma de viver pode estar desintegrada causando danos a si próprio e, consequentemente, ao meio ambiente, certamente!


Para que nos desenvolvamos e ao ambiente sem danos... é necessário amadurecimento... caso contrário, em nosso egoísmo, pensamos apenas em nosso bem estar... em nosso foco de atenção particular e dispensamos a ação em conjunto... tão necessária para o desenvolvimento sustentável...
Quase nada temos crescido em termos de EDUCAÇÃO AMBIENTAL...
Minha rua ficou imunda como as "colas" na eleição próxima passada... a gente pode ver o reflexo da "educação" do povo e dos que almejam "governar"...

A realidade brasileira é totalmente contrária ao DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL.. a gente até sabe o certo mas, na hora da prática... pecamos absurdamente!!!
A dimensão social é uma amostra do que somos internamente...
A nossa responsabilidade é pouca ainda em termos de DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL...
Parcerias é um termo que se emprega para o benefício próprio... foge do seu significado real...

Oxalá, fôssemos além das pesquisas na internet sobre tantos temas relevantes!
Não nos "sustentamos" nem a nós mesmos... como podemos alcançar vitória num pequeno grupo... num bairro... numa cidade... em nosso País... em nosso Planeta?
Estamos longe... mas vale a pena irmos tentando... nos esclarecendo e fazendo a nossa parte...
Se fizermos uma pequena pesquisa, saberemos caminhos simples e possíveis aos nossos ambientes mais próximos...
Me veio uma frase bíblica pertinente ao tema de hoje:
SE DEUS É POR NÓS QUEM SERÁ CONTRA NÓS?
Mas, paralelamente, me veio um questionamento:
Muitas vezes... nós mesmos somos contra "nós" (o Planeta)...
DEUS é o nosso sustento (o Criador é o único que gera e mantém com toda perfeição) para que possamos sustentar ( sermos suporte) e sermos sustentáveis...
Reflitamos com consciência!

Como sugestão de testemunho de um trabalho em parceria para um mundo melhor:

15 comentários:

  1. Muito legal seu post! Parabéns!!!

    bj

    ResponderExcluir
  2. Rô,
    Com a oportunidade que teve de viver em Rondônia e conhecer comunidades tão diversas desse Brasil, pode atestar a falta de consciência ambiental das pessoas.
    Bonito trabalho de reciclagem mostrado através dessa igreja.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi amiga,

    Passando para desejar um bom restinho de semana,

    Beijos,

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga! A giovanna lhe deu o meu recado?
    Eu não estava conseguindo entrar no seu blog. Obrigada pelo carinho!
    Muito interessante o post.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Ei querida!
    Realmente não sabemos viver de maneira sustentável, e por mais que se fale em ecologia estamos muito mal educados ambientamente, não cuidamos do lugar onde vivemos e com isso estamos dando um tiro no pé!
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  6. Rosélia
    Você como sempre nos dando lições.
    É muita falta de consciência e temos que ver o que estamos fazendo para melhorar isso.
    Gostei muito da sua citação da Bíblia e voltando para o contraponto de que "nós estamos sendo contra nós mesmos".
    Muita verdade nisso, querida.
    Precisamos refletir muito.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  7. Post excelente e muito oportuno gostei tirei uma cópia para ler com mais calma no caminho para o trabalho!

    ResponderExcluir
  8. Boa noite, Orvalho do Céu, como vai? Um belo e didático post. Concordo com você. Se cada um tornar-se um agente multiplicador de bons exemplos com o meio ambiente muda-se o cenário atual. É uma questão de tempo e de força de vontade, assim penso.Tudo que é feito com o coração e fé se propaga com uma rapidez...

    Um beijo e continue o belo trabalho.

    ResponderExcluir
  9. Oi,Querida!O ser humano ainda tem muito o que aprender sobre desenvolvimento sustentável, sobre a preservação do meio ambiente disso depende a nossa sobrevivÊncia.
    Um ótimo fim de semana!
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Voce foi formidável. Deu o recado direitinho. Eu acho que reciclar o lixo de nossa casa e separa-lo já é de uma grande ajuda. Mas pergunte se faço isto?
    com carinho
    Que Nossa Senhora de Nazaré padroeira do Pará a abençoe
    com carinho MOnica

    ResponderExcluir
  11. Com certeza temos que ir tentando e tentando, nos conscientizando cada vez mais sobre como preservar a nossa natureza!
    Beijos e uma sexta feira abençoada pra você!

    ResponderExcluir
  12. De facto teoria e prática não andam de braço dado, infelizmente.

    Muita gente fala sobre sustentabilidade, sobre reciclagem mas depois não passam à prática, só teorizam.

    É por isso que nos meus textos tento sempre dar algum exemplo pessoal. Se tento ser o mais ecologicamente correcta, serve como exemplo aos demais. Não é mesmo?
    Gostei muito do seu texto.
    Lamento mas não vou consegui postar o meu dentro do prazo. Durante o mês de Outubro, publicarei.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Estou com você! Se Deus está conosco o resto pode atrapalhar mas jamais vencerá.

    Então continuemos otimistas e trabalhando pelo planeta!

    Eu também estou na Teia Ambiental, passa lá no Dicas Green!

    Beijocas verdes

    ResponderExcluir
  14. Muito boa a sua colocação, Rosélia-Orvalho-do-Céu !

    Permita que eu comente alguns comentários:
    - Eu acho importante dar testemunhos, sim, como disse e faz a Rute !
    - Mas Monica, é tão fácil separar o lixo ! Deixe 2 recipientes na cozinha e vá jogando em cada um deles, o lixo seco (plástico, vidro, lata e papel - limpos !) e o lixo úmido. Só isso já ajuda muito. É só questão de hábito. Experimente e vai gostar de ajudar nossa Terra.

    Eu já separo o lixo seco por tipo, para facilitar o trabalho dos catadores, pois dou para eles. Aliás, eu levo na casa deles, de carro, para que não tenham que vir pegar à pé!
    O lixo orgânico nós enterramos para virar adubo.
    Resta um mínimo de lixo sujo que vai para o lixão.

    Desculpe, Rosélia, a intromissão no seu blog, mas não pude me conter. Espero ter incentivado a Monica a separar seu lixo...

    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Minha querida, Orvalho:
    Muito suave e profundo o seu texto.
    Viver no meio do mato faz-nos mais sensíveis aos reclamos da natureza. Você em Rondônia, e nós em São Lourenço, você testemunhando todas as agressões à Floresta Amazônica, e nós à Mata Atlântica.
    Como diz a Rute, a distância entre a teoria e a prática é gigantesca, e enquanto isso vamos perdendo nossas florestas.
    Muitos são chamados, Orvalho, mas poucos, muito poucos, são escolhidos. E as pessoas não se dão conta que destruindo a natureza destroem a maior prova física da presença divina junto à humanidade.

    Abraços ecológicos.
    Gilberto.

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...