quinta-feira, 27 de maio de 2010

Contando História



Tenho uma história de AMOR FRATERNO para contar-lhes e que faz parte do meu mundo pessoal...
Em parte, ela já está publicada em um dos meus posts e essa história insiste em alegrar meu coração com a sua existência em minha vida.
SE TRATA DE UMA AMIGA MUITO QUERIDA, SEPTUAGENÁRIA E TAL...
Convivemos na juventude, trabalhamos juntas... nos reuníamos nos fins de semana pois a tinha um pouco minha mãe também...
A sua família toda me recebia muito bem, é tão rara uma amizade de trabalho perdurar!
Mas a nossa sobreviveu às intempéries da nossa vida igualmente atribulada.
Fui morar no exterior e nos perdemos um belo dia de vista... (é a vida!)

Um outro lindo e significativo dia de agosto, do ano de 2008, seu amável filho querendo alegrar o coração da mãe, enviou-me um e-mail tentando ter a sorte de que fosse eu a amiga de 30 anos passados de sua estimada mãe.
Seria uma forma de presenteá-la pelo seu aniversário marcante de 70... com a minha presença ...
Impedimentos me fizeram postergar o REENCONTRO tão sonhado (meu pai estava muito enfermo na época e veio a falecer no ano seguinte, o acompanhei o quanto pude... deixando pra trás TUDO)...
Quanta amabilidade desse filho!
Ele, depois de encontrar-me, não ouve mais os lamentos de sua mãe: "Ah! eu queria tanto ver a Roselia!"
O primeiro encontro foi marcado de muita emoção... lágrimas... abraços... beijinhos... mimos e mais mimos... Com direito a coraçãozinho pelo vidro do ônibus na Rodoviária de despedida e tudo... Lindo!
Um contraste só: do lado de dentro do ônibus emoção no ar... do lado de fora: lágrimas de felicidade e risos do filho e nora... por participar do nosso encontro meio que "adolescente" de ser...
Uma ternura fotografada... passeamos para conversar à beira da praia e nos sentamos num banquinho que foi muito nosso...
Filhos e netos ficaram agora em comum... festas juntas... reuniões... amigas partilhadas... Uma beleza!
Em todos os lugares vamos juntas... eu preciso esforçar-me para acompanhá-la e ela a mim... pois somos MUITO DIFERENTES uma da outra... Acreditam?

Pois é, a AMIZADE resiste ao tempo e nos dignifica...


Ela é o resumo de todas as amigas...
Planejamos nossos dias... meses... atividades em comum... passeios...
Somos como a água e o vinho... (segundo ela mesma o diz) mas dizem que o oposto se atrai, não é?
Nos compreendemos muito...
E assim tem sido... com ânimo e generosidade temos convivido, novamente, por quase dois anos já, depois do retorno e parece que nossa amizade nunca teve fim... a impressão que dá para nós e para todos é que nunca parou...
Eu vivi sem um fio de meada... sem raiz... uma vez que me fui...


36 comentários:

  1. Estou aqui sorrindo ao ler esse post!
    Interessante serem como água e vinho, no entanto, se entenderem tão bem.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom.As diferenças fazem com que cada um conviva e respeite as arestas do outro.Legal!beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Que linda história de amor fraterno e amizade... lindo, lindo, lindo!
    Parabéns por esta participação na blogagem coletiva, de forma tão encantadora e emocionante!
    Beijos, flores e muitos sorrisos!

    ResponderExcluir
  4. A amizade verdadeira é uma das coisas melhores do mundo,e quando não é verdadeira também não é amizade.

    abraço,
    José.

    ResponderExcluir
  5. Olá amiga, nosso ponto fraco, um quindim, um bombocado (ou queijadinha) ou bem casado, realmente é de dar água na boca, e a FENADOCE tem todos os anos, uma vez ao ano geralmente em maio e junho, por causa da copa anteciparam.
    São sempre 18 dias de muito público e vendem muito, não vou sempre, uma ou duas vezes apenas, mas basta.

    E uma amizade bem feita dura para a vida toda.
    Quando eu tinha os flogs, num deles, http://clickmauro.flogbrasil.terra.com.br o qual não atualizo mais, escrevi a seguinte frase:
    "Flog não são as fotos, são As AMIZADES!"
    É isto aí, o que conta são as amizades que se faz nesta vida, inclusive virtual.
    Beijos, Mauro

    ResponderExcluir
  6. Costumo dizer,fotos são eternas,um registro que no decorrer do tempo,são documentos de importância suprema na vida de uma pessoa.Parabéns!
    Boas energias,
    Mari

    ResponderExcluir
  7. Que linda a sua participação!
    Contada assim com riqueza de detalhes nos faz crer que só as verdadeiras amizades são capazes de tamanha dádiva em nossa vida!
    Você merece pois tem um coração iluminado!
    Não esqueci as postagens do seu blog, já estou preparando e colocarei em dia na ordem em meu blog...esses dias tem sido difícil para mim!

    Beijos com carinho e admiração

    ResponderExcluir
  8. Tenho muitas fotos com suas lembranças, tinha bem mais no Flickr, mas apaguei muitas por lá, a fotografia sempre conta um pouquinho da gente em determinado momento, e tem outras fotos que não, adoro fotografar, mas sou amador.
    Em meus blogs (tirando Pezinhos Net) todos tem fotos clicadas por mim, principalmente o Koisas e Coisas.
    Olha aqui, http://kendallk.flogme.com.br
    É o meu outro flog com fotos minhas, mas também parei de atualizá-lo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Paz,
    eu já andei navegando no seu blog, querida... está ótimo!
    Bjs! Fica na paz de Jesus!
    Xau
    Plácida

    ResponderExcluir
  10. Olá Roselia!
    Bela imagem que você nos oferece nesta blogagem. Suas palavras são o retrato fiel da verdadeira amizade. Parabéns.
    Beijo luso

    ResponderExcluir
  11. É mulher,
    amizade é amor que não se cansa, não se acaba... é amor que dura para sempre. Como diz um amigo meu: Amizade é remédio que cura. E sua história confirma isso.

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  12. "A vida é feita de encontros, embora haja tanto desencontro nesta vida". Lembrei desta frase quando li sua história e desejei profundamente que eu possa ser feliz da mesma forma com as amizades que cultivo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. que participação mais linda! Dou tanto valor as amizades, mas essa dedicação de vocês duas (ainda mais sendo tão diferentes uma doa outra como você mesmo contou aqui) é admirável! Parabéns pela linda participação! Um beijo,e também vou lhe seguir! Deia

    ResponderExcluir
  14. Rosélia, querida!
    Que linda a sua história, fiquei super comovida!
    Linda mesmo!
    Os amigos são tesouros inestimáveis em nossa vida.
    Parabéns!

    Muito obrigada por participar com a gente.

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  15. Olá Amiga!

    Maravilhoso o seu relato de amizade! Um exemplo de que uma verdadeira amizade não tem mesmo fim! Ela pode se esconder um pouco na linha do tempo, mas reaparece lindamente, dando mais cor e sentido a vida!

    Parabéns pela riqueza de detalhes dessa partilha tão pessoal e especial!

    Beijos,

    Ester

    ResponderExcluir
  16. Sorte nunca é demais.

    História de reencontro emocionante mesmo e bela.

    até mais.

    Jota Cê

    ResponderExcluir
  17. Oi amiga,verdade, me ocorreu isto agora, juntar os posts e fazer um livro do blog, mas apenas uma idéia, beijos e boa noite.
    Volte sempre!

    ResponderExcluir
  18. Olá orvalho do Céu!

    Adorei sua visitinha ao meu blog e até citei vc em postagem posterior.

    Acho que devemos mesmo falar sobre o bullying e tentar dizimar essa tragédia da vida de tantas crianças.

    Sobre amizade, é assim mesmo: a gnete sempre escolhe quem admira e muitas vezes a admiração está no nosso oposto, sem nos darmos conta não é mesmo?...rs

    Vou te seguir.

    Apareça mais em meu blog!

    Beijoooo

    ResponderExcluir
  19. Oi Roselia...tenho um amigo assim, somos muio diferentes um do outro e acho que por isso nos damos tõ bem, nos conhecemos desde os 9 anos...portanto nos conhecemos tem 37 anos, sou padrinho dele de casamento e vice-versa, sou padrinho da filha dele e vice-versa...trabalhamso no mesmo lugar, repetimos de ano juntos na escola...rsrs...
    Temos tántas histórias junto que as pessoas nos confundem e outras acham que somos irmãos...
    Enfim..parabéns pela sua história tão bacana...que a amizade permaneça dentro do coração e da alma, assim nenhuma distancia irá separá-los...
    Um abraço na alma...bjo

    ResponderExcluir
  20. EXISTEM AMIZADES QUE RESISTEM AS INTEMPÉRIES...ESSAS SÃO AS MAIS VERDADEIRAS


    BEIJINHOS

    ResponderExcluir
  21. Oi! Só visitei agora... Com uma rapidez que possa! Porque o tempo escapa-nos das mãos....

    Mas pelo menos às blogagens tento ir sempre visitar toda a gente!!!!

    Há muita coisa boa no mundo,e a amizade é sempre algo tão óptimo! Apesar de ser difícil encontrar uma amizade verdadeira, elas andam sempre por aí, esperando por nós a abraçar-mos e acolhermos... Nem que o destino separe, sempre o ser humano une com o doce coração que tem...

    E eu sempre penso, que as grandes diferenças, tornam as melhores amizades em constante crescimento e felicidade... Porque ao vermos do ponto de vista de outro, crescemos e melhoramos-nos a nós mesmos!

    Parabéns pela blogagem! Um abraço!

    ResponderExcluir
  22. Roselia, amizades assim são um bálsamo para a alma. E é nas diferenças que trabalhamos ainda mais a tolerância e generosidade.
    Um beijo e bela participação.

    ResponderExcluir
  23. Oi. Tks pela visita! ; )
    Gostei da sua blogagem. Me fez lembrar de uma amiga de adolescencia (estudamos juntas e aprontamos tb. rs), que já mora vários anos no Japão.
    No início mantinhamos contato, mas agora nao mais. A vida dela lá é uma correria só e vieram os filhos, e e ela trab de domingo a domingo.
    Mas ainda espero ter um reecontro como o de vcs. ; )
    Bjs! Lu

    ResponderExcluir
  24. Vou repetir o poeta (amizade sincera):
    "...os verdadeiros amigos,
    do peito, de fé
    os melhores amigos
    não trazem dentro da boca
    palavras fingidas ou falsas histórias
    sabem entender o silêncio
    e manter a presença, mesmo quando ausentes..."
    Não há melhor abrigo!

    ResponderExcluir
  25. Muito linda a sua história, Rosélia.
    Há amigos que nos são mais chegados que irmãos.

    Obrigado por participar com a gente.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  26. OLá,amiga

    Tudo bem?
    Obrigado pela visita!

    Lí seu texto achei super legal.
    O amor não é só uma relação para com uma pessoa específica; é um sentimento amplo, uma orientação da alma, que determina a relação de alguém para com o mundo como um todo e não para com uma “parte”.

    Parabéns!

    Um beijo e ótimo final de semana.

    ResponderExcluir
  27. Rosélia, estou emocionada com sua participação, como é lindo poder termos amigos especiais assim.

    Deus a abençoe minha querida.
    Aqui tudo é de uma paz deliciosa.

    Beijos com carinho no seu coração.

    ResponderExcluir
  28. Roselia,linda sua história.
    Amizade é algo muito precioso e
    deve ser guardada a sete chaves.
    Feliz é sua amiga emter alguem tão especial como vc para compartilhar seu dia-a-dia.

    Bjos e que Javé continue te abençoando.

    ResponderExcluir
  29. Vim ler sua participação na blogagem coletiva e me deparei com uma linda história de amizade que o tempo não apagou, parabéns pelo texto, pela montagem da foto e pela linda história, abraços

    ResponderExcluir
  30. Rosélia que história linda!
    Amizades assim nos dias de hoje são tão raras.
    Singela tua participação, parabéns.
    Espero que nunca mais venham a se separar.
    Beijo na alma dad duas...
    A paz...

    ResponderExcluir
  31. Que linda história e nada como uma fotografia para marcar um momento belo.
    Amizades assim são muito difíceis hoje em dia, e que vocês permaneçam unidas por muito e muito tempo.
    Beijos Tempestuosos!

    ResponderExcluir
  32. É tão bom ler uma história feliz assim.
    Linda postagem.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  33. Que lindo!
    Assim são as amizades sinceras e verdadeiras...

    Beijos

    ResponderExcluir
  34. Como é bom ter amigos e, principalmente, cultivá-los!
    Belíssimo relato. Me deu vontade de ligar pros meus queridos amigos e dizer-lhes (mais uma vez) o quanto eu os amo e como me fazem bem.
    Vou fazer isso agora mesmo!!
    Beijo e parabéns pela semente sempre cultivada

    ResponderExcluir
  35. Que linda história, tem uma frase que guardo comigo cujo autor, um filósofo, eu não me lembro: "A nossa felicidade depende dos bons encontros que fazemos no decorrer da vida". É isso, bjs.

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...