quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Amor ( III )



"TARDE TE AMEI,

Ó BELEZA TÃO ANTIGA E TÃO NOVA,
TARDE TE AMEI.
EIS QUE ESTAVAS DENTRO
E EU, FORA E AÍ TE
PROCURAVA.
CHAMASTE, CLAMASTE E ROMPESTE MINHA SURDEZ.
TENHO FOME E SEDE DE
TI, TOCASTE-ME E
INFLAMEI-ME
EM TUA PAZ".
(Santo Agostinho)

Tenho recebido amigas para conversar sobre o Amor, é interessante que elas (apesar da idade avançada) desejam ardentemente "um" Amor...
Nesta semana, li muito e separei guardados com o intuito de recomeçar o 2010 mais feliz... coisas que lemos nos trazem (ou não) felicidade... as que tenho comigo são profundas e me levam à reflexão... gosto muito de refletir e agir à medida do possível... Muitas vezes do impossível também...
Deus completa minha "ignorância" (o não saber...)
Bem, as viúvas se sentem sós... me lembro da Dra. Zilda... da sua capacidade de doação... tenho experimentado que, quanto mais a gente se doa, menos se é triste...
Quando fico no "ócio"... vem um "vazio"...
Logo... fomos feitos pelo Amor e para Amar... já dizia ontem neste blog...
Haverá como viver sem Amar?
Ser caridoso (a) prestativo (a)... doador(a)... fazedor(a)do bem?
É certo que não!
Me encanta demais esse TARDE TE AMEI...

Amor é para ser amado...

Como parar no Tempo?
Haverá Amor tardio?

Li uma vez um pensamento muito lindo: A VIDA ME CONCEDEU AOS SESSENTA O QUE NÃO ME OUTORGOU AOS VINTE... Lindo!
Também tenho refletido e "curtido", com carinho no coração, a tendência boa do coração dilatado... (AMOR... é de extasiar... a alma da gente... e dos demais que nos vêm "iluminados"...
O Amor é LUZ, portanto irradia luz...
Tenho pensado muito no caso Eloá... aquele menino, quando disse sobre o AMOR, foi muito feliz na sua colocação: O AMOR ALCANÇA A GENTE... Tenho sentido isto e me faz bem... não dá para lutar contra... dá simplesmente para AMAR O AMOR...
Pensei, nesta semana também, sobre meu primeiro amor: Jesus...
Que pureza de alma tinha eu aos oito aninhos! Quando me apaixonei pela primeira vez pelo Mestre...
Jesus coloca em nós o Amor tão cedo... a gente ama tão novinha... e, depois, pela vida afora, vai se esquecendo do Amado...
Mas Ele não dá ponto sem nó... É fogo que arde... incessantemente... e o que parece extinto... vem à tona com toda força... FORÇA TOTAL... como uma brasa que basta uma mexidinha... para incandescer todo o nosso ser...
Que belo é o Amor!
É o que torna a pessoa muito mais humana... ainda bem!
Vivamos este "big bang suave"... com Esperança e Serenidade... e deleitemo-nos nos Braços do nosso próprio coração extasiante...


0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...