quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Viagem( II )


TUDO COMEÇOU COM O APITO DO NAVIO...

E a emoção rolou no ar... e a festa também...
animação era contagiante...
Ousei lançar uns passinhos na coreografia da Equipe de animação... Lindo!
Copacabana tão esperada!
Noite lírica... momento marcante para mim... músicas italianas... adoro!
Alma encantada... fascinada!
Coquetel com o comandante... jantar requintado...
Que sensação diferente!
Descontração total...
Dormir depois de muito gargalhar com a escolha da Miss Lírica... o fígado agradeceu... o rosto também... fez muito bem ao espírito... Dormir relaxada... em alto mar... impressionante!
Acordar com o nascer do sol... lindo! Fotos... de todo tipo... cenário de beleza majestosa...
Pôr do sol... ao menos no coração o Pequeno Príncipe esteve ao meu lado... que pôr do sol alaranjado e lindo!
Me senti entrando num castelo... quando cheguei ao Porto do RJ... muita emoção no ar!
Fiquei como criança ou adolescente... um misto de sentimentos... aproveitei tudo... não deixei escapar nadinha...
Café da manhã com gostinho distinto do habitual... uma delícia!
Passeio à Ilha Bela... que encanto!
Ao iniciar o dia não poderia deixar de ir para um momento muito especial, ao Santíssimo... à gruta de N. S. da Ajuda... meia hora de ESPIRITUALIDADE e "calmaria emocional"...
Saí de lá do interior da Igreja de alma lavada... agradeço a Deus por aquele momento tão sublime...
Passear... lojas de artesanato... compartilhar no celular com os que não estavam comigo, geograficamente falando, e me acompanhavam no coração... só de alegria falar...
E CANTAR A BELEZA DE SER UMA ETERNA APRENDIZ... da vida... da felicidade... da vontade de ser feliz...
Vários nuances do mar... das águas... ah! Que raridade!
Os morros das ilhas num contraste fenomenal...
Oscilar entre o azul do céu e o do mar... quer algo mais belo?
O Show noturno era de beleza rara... me deixando bem aliviada... dormir bastante relaxada... com vontade de saborear a cama e a cabine bem gostosas...
O navio deslizando sempre pelo mar... balançando nas ondas e nos fazendo deslizar como bailarinos... intrigados e alegres ao mesmo tempo com o novo "caminhar"... corpo balançando... num ritmo próprio de quem gosta de aventura marítima...
Ah! Que descanso para alma e corpo...
Ao redor da extensão do enorme navio... a negritude se fez presente, mas bem claro esteve meu coração...
Os vários painéis das fotos mostravam o nível do CRUZEIRO... e o dólar venceu afinal...
A espuma branca... ao redor do navio... luzes pisando à distância...
Corri atrás das minhas estrelas... meu amigo me havia preparado para o espetáculo que seria... mas os dias nublados parcialmente não me permitiram degustar tal lindeza... ficará para outra vez... na escotilha visualizei algumas tímidas... fiz meu pedido... quem me trará o mar?
O que me levará de não tão bom? No mar tão imenso... pedi para ficar para trás, com o percorrer do navio... as decepções, as mágoas... toda tristeza...
Afinal, não é Deus o dono de mar?
Encontrei gente de todo tipo... em todos os sentidos... nada me espantou... nada me perturbou...
A GRAÇA de DEUS me bastou... TUDO DEU CERTO...
Em cada andar gosto para tudo e todos... o piano e a música ao vivo me enterneceram às tardes noites... acompanhando um café bem quentinho e saboroso... antes do jantar...
Foi meu presente de Natal... muito obrigado, Senhor Deus...
Fui cumulada com toda sorte de bênçãos neste ano que se finda...
Deus me é fiel!


Um comentário:

  1. Rosélia,
    Esse é o terceiro relato sobre cruzeiros que leio nesses últimos dias, todos igualmente felizes.
    Num desses relatos, minha amiga blogueira chegou a tocar piano no navio... "eu sonhei que tu estavas tão linda..."
    Felicidade faz um bem enorme ao ser humano, ter momentos assim são memoráveis.
    Um ótimo Natal pra todos vocês!

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...