terça-feira, 24 de novembro de 2009

A Arte de Acompanhar


Sabemos que há sempre PEDRAS PSICOLÓGICAS no meio do caminho...

A Graça supõe a natureza, às vezes, um pouco danificada...
A forma de acolher, de orientar... pode ter resultado maior do que o conhecimento pessoal... Pedir o Dom do equilíbrio pessoal...
Tem gente que não fala de si, só dos outros... como conhecê-los?
No acompanhar alguém, corremos o risco de fazermos transferência... contra transferência... simbiose... dependência...
Apesar dos condicionamentos... está o fator forte de Deus... a pessoa vai se abrindo à Graça...
Todos temos problemas mas há sempre a possibilidade de conversão...
Temos mitos no Acompanhamento de pessoas... protocolos...
A relação deve ser sempre personalizada... títulos impedem...
Receitas... fórmulas mágicas... modelos padrões... podem nos transformar em marionetas...
Pessoas são gente... homens... mulheres... processo inacabado, portanto...
É relação psicodinâmica... há várias abordagens, pois... Há referenciais seguros...
Não temos afetividade bem trabalhada... somos afetivos... podemos nascer humanos mas podemos nos comportar como animais...
Acoplamento, junção, encaixe, somos físicos, biológicos, psicoafetivo, intelectual ou racional, espiritual... Não somos várias camadas como um bolo de camadas super postas...
Toda experiência humana tem que ter uma dimensão total, é o ser inteiro que entra em relação...
Mochila histórica...Toda bagagem histórica minha e do outro entram em cena...
Não me convém tomar consciência da bagagem do outro, aí afirmo... reafirmo...
Não existe encontro neutro...
Existe encontros impactantes...
Deus não é um ser corpóreo..
Deus é um ser profundamente afetuoso, se envolve... sofre por nós... faz parceria conosco... Não tem como entrar numa relação afetiva com um ser que não é afetivo...
Deus não se vê mas se sente...
Comunicação extra sensorial, além dos cinco sentidos...
Nós somos seres que necessitamos de símbolos...
Inter... eu mais você ou você mais eu... intra... eu mais eu... relação com Deus interpessoal: o eu e o grande outro...
Transpomos para Deus nossas relações humanas...
Há exceção...
Normalmente são as mesmas...
Relações com Deus são imediatas através de pessoas, coisas...
É um homem ou uma mulher que se relaciona com Deus assumido, mesmo ela sendo não assumida...
Maria afeta João...
João afeta Maria...
Há elementos que não fluem numa relação de acompanhamento... entre pessoas... percepção ou comunicação extra sensorial..
Sentimentos internos... intuição... captar as realidades vai além... ultrapassa os sentidos normais...
Ampliar nosso nível de consciência extrasensorial é urgente!!!
O vitimismo... o masoquismo... é força desintegradora... vem do mal... usa as feridas do processo humano para reinar...
Samaritana... o texto é pretexto para entrar na relação...
Apegos dela... MARIDOS...
SAMARIA... PESSOAS QUE NÃO VALIAM... NÃO CONTAVAM...
SAMARITANA. MULHER AMANTE DE MUITOS... EXCLUÍDA, POIS...
Poço de Jacó na cidade da Samaria... Hora mais clara... meio dia... hora da verdade que liberta...
UM AMIGO que nos acompanha LIBERTA A ALMA DA GENTE...
Jesus para com a Samaritana sem segundas intenções, assim também deve ser nosso acompanhar pessoas...
A sede dela é a nossa... de afeto... de comunicação... de humanização...
Jesus é sensibilidade... perspicácia...
Não cabe ironia... deboche... desprezo no estar com alguém...
Desejos... querer... Jesus despertou algo mais... "Se você soubesse"!
Que baldes temos e trazemos para junto das amizades nossas???
Poder intelectual?
A rotina de todos os dias em buscar água... desperta o desejo... motiva...
Temos muitos AFETOS DESORDENADOS... vínculos...
Não nos saciam...
Racionalizamos... arrumamos desculpas...
Experiência fora dos nossos paradigmas... de todas as formas... esquemas como os da Samaritana...
Deixo Jesus e o outro me questionar?
Vem de dentro para fora?
De fora para dentro?
É surpreendente!
Ter ouvidos de discípulo junto aos demais... "Faro" de Deus para perceber Deus em algumas situações...
Permitir ser transformado (a )... em ajudador (a)... em AMIGO ( A )...
Contagiado ( a ) e contagiante...
Vejo onde sou fisgado ( a )...
Poço antigo... desbarrancado ( a )...
Desbarranquei e fui desbarrancada, Senhor, continue ajudando-me nesta Arte de ser Acompanhada e Acompanhar...


0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...