quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Contemplação na Ação


A SÍNTESE DOS POLOS MATERNO E PATERNO DA EXPERIÊNCIA RELIGIOSA DOS EE.

Dimensão mística: materno
Dimensão operativa: paterno

Um profundo amor a Jesus Cristo é urgente...
Ser contemplativo na Ação!
Os EE tem uma visão teológica espiritual e uma visão picológica psicanalítica...
E nisto consiste a Experiência de DEUS...
Temos algumas radicalizações na EXPERIÊNCIA DE DEUS:
Reducionismo... espiritualismo... angilismo... os que creem de uma forma estreita... os que reduzem a compreensão da experiência de DEUS ao aspecto espiritual...
Experiência de Deus reduz a compreensão do aspecto da psicologia...

EXPERIÊNCIA HUMANA DE DEUS

Materno: mística... contemplação...
Paterno: operativa... ação...
Experiência de Deus pode ficar ainda num nível individual... intimista... descomprometida... autoritária...
Privilégio de um polo...
Pentecostalismo...
Orientalismo...
Estes, materno...
Perfeccionismo... autoritarismo...
Estes, paterno...
É preciso saber garantir estes dois níveis... Aí vem o papel de quem acompanha os EE...
Mãe /Pai... sujeito: Deus... polo masculino e polo feminino...

As pessoas que rezam excessivamente podem ser suspeitas...
Na oração, posso não estar falando com Deus...

Mãe: é união... gozo místico...
Pai: rivalidade... ambivalência...
O ENCONTRO DE DEUS SE DÁ A PARTIR DO AUTO CONHECIMENTO...
Numa leitura psicanalista, a falta de mãe impossibilita o indivíduo pleno...
Mãe psicotizante?
A instrução do pai é fundamental e para a introdução da subjetividade...
Quando não há, ou há omissão... o indivíduo tem dificuldade de se relacionar com os demais...
Mãe: união... gozo...
Pai: lei...

O maior risco é a redução da experiência humana de Deus a qualquer um dos polos...
Por isso que este ideal contemplativo na ação integra o ser humano...
Experiência mística não é regressão ao Édipo...
Aí é experiência falso mística...
A primeira coisa é admitir elementos desta relação... outra coisa é identificar...
O Místico aceita:
Presença x ausência
Luz x trevas
Companhia x solidão
Gozo x aridez
Consolação x Desolação
Terra fértil x deserto

O importante é a TRANSPARÊNCIA

Nas mãos de Deus é S. Teresa de Jesus
Morte, dai-me vida... Saúde ou moléstia, dai-me honra...

Há teólogo que só defende a alegria... narcisismo primário...
Há que atentar para o falso egocentrismo e o verdadeiro altruísmo...
S. Francisco de Sales, alma que ama a Deus... Filatelia ou Introdução à vida devota (1608)
Se as consolações nos tornam mais humildes, pacientes e mais caritativos... mais sensíveis, mais simples, mais obedientes, mais assíduos em nossos EE... ótimo!!!
Se curiosos, rancorosos, excitados, presunçosos, vaidosos e severos com o próximo,
Pode ser como gostaria que fosse que faz com que seja!
Presença insuportável, esmagadora... insubordinação a Deus...
S. Irineu: A glória de Deus é o homem vivo...
Há cristãos que tem comportamento ateu...
Redução da experiência religiosa à norma, preceitos..
Busca obstinada à perfeição, confiando no esforço próprio... crises de consciência, complexo de culpa, escrupulosidade...
Pode acontecer de uma forma acentuada... ou leve...
Há também pessoas cheias de si, ensoberbecidas... vaidosas...
Relação de recompensa interesseira...

MARIA POLO MATERNO DA RELIGIOSIDADE: MISERICÓRDIA
JESUS POLO PATERNO DA RELIGIOSIDADE: JUSTIÇA

EXPERIÊNCIA DE DEUS: abrasar... atrair...
Ascese: polo paterno
Mística: polo materno

Aspecto ascético dos EE: alumbrados. misticismo desenfreado..
ORDENAÇÃO DOS AFETOS... AFETOS DESORDENADOS INTENSOS PRECISAM DE REAÇÃO

O ser humano é criado para investir seu afeto em DEUS...
Não na criatura...

AMAR A DEUS E TODAS AS COISAS EM DEUS...

A QUALIDADE DO AFETO É IMPORTANTE...
REINVESTIR NO MEU AFETO... ORDENAR...

A COMPENSAÇÃO NÃO ESTÁ EM NÃO PODER SENTIR... E SIM, NA LINHA DE ORDENAR...
O amor não se anula, ordena-se!
Reprimir, recalcar... x novo destino, nova orientação

SER BOM É SER FELIZ...

O AMOR é enamoramento... seguimento... identificação
Identifico, sigo, imito, assemelho-me ao modelo...
É preciso amar a Jesus e a sua Bandeira... a sua causa... o seu projeto...
O rosto de Inácio: absorto... admirado, apaixonado, arrebatado, embebido, embasbacado, extasiado, maravilhado, enamorado...
Clara diz em relação a Francisco: Seria eu capaz de O amar assim?

Na transparência, mostro algo configurado...

Livres sejamos das neuroses obsessivas!
Amém!
Este resumo fiz no Curso em Itaici, SP, numa Conferência ministrada por RicardoTorri, SJ...


0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...