domingo, 23 de agosto de 2009

A ESPIRITUALIDADE DE 1 TS


Publicado em 18/11/2008 no http://espiritual-idade.spaces.live.com/

A ESPIRITUALIDADE DE 1 TS


O TOM ESPIRITUAL DE 1 TS SALTA À VISTA.
A CARIDADE DE S. PAULO PARA COM OS TESSALONICENSES, DITA COM INSISTÊNCIA DO INÍCIO AO FIM DA CARTA (1,4;2,8-12.17-19;3,10;5,26), NÃO LEMBRA SEQUER A IDEIA DE UMA ÉTICA A SER ENSINADA POR UM APÓSTOLO A CRISTÃOS RECÉM SAÍDOS DO PAGANISMO.

A ORAÇÃO EM 1 TS

S. PAULO MOSTRA ESTE LADO ESPIRITUAL QUE A EXEGESE DESCUIDA.
NO ENTANTO, NESTA EPÍSTOLA HÁ PASSAGENS QUE INSPIRAM GRANDES MESTRES ESPIRITUAIS E SEMPRE SÃO PONTO DE REFERÊNCIA PARA A ORAÇÃO CRISTÃ.

ORAR SEM CESSAR

O VERSÍCULO MAIS CLARO NESTE SENTIDO É 5,17: ORAI SEM CESSAR.
NA TRADIÇÃO CRISTÃ ESTA PASSAGEM INSPIROU GRANDE NÚMERO DE AUTORES E SANTOS. S. PAULO É O PRIMEIRO A POR EM PRÁTICA ESTE ENSINO COMO DIZ EM 1 TS 1, 2S.13;3,10;5,17 E RM 1,9
TIMÓTEO DEVE TER SIDO TESTEMUNHA DESTA CONSTÂNCIA NA ORAÇÃO DE S. PAULO, PORQUE A TRADIÇÃO DA IGREJA PRIMITIVA O CONSERVOU EM 1 TM 1,3. DOU GRAÇAS A DEUS, A QUEM SIRVO COM CONSCIÊNCIA LIMPA, COMO FIZERAM MEUS ANTEPASSADOS, COMO TAMBÉM SEM CESSAR ME LEMBRO DE TI EM MINHAS ORAÇÕES NOITE E DIA.

EFICÁCIA DA ORAÇÃO

SEGUNDO A NARRATIVA DE ATOS 16,25, UMA DAS TANTAS EXPERIÊNCIAS DA EFICÁCIA DA ORAÇÃO DE S. PAULO E SILVANO DEVE TER FICADO IMPRESSA NA SUA MENTE, DEPOIS DA PRISÃO EM FILIPOS, DA QUAL FORAM SALVOS MIRACULOSAMENTE E CONSEGUIRAM AINDA A CONVERSÃO DO CARCEREIRO. TENDO PRESENTE ESTA EXPERIÊNCIA E OUTRAS, S. PAULO TINHA FEITO A EVANGELIZAÇÃO DOS TESSALONICENSES.

TERMINOLOGIA

ORAÇÃO OCORRE NO CORPO PAULINO EM RM 1,10; 12,12;15,30;1COR 7,5; EF 1,16;6,18; FL 4,6;CL4,2.12;1 TS 1,2; 1 TM 2,1; 5,5; FM 1,4.22
1 TS 1,2 PORTANTO É A ÚNICA OCORRÊNCIA DESTA PALAVRA EM 1 TS. REFERE-SE À ORAÇÃO CONSTANTE DE S. PAULO PELOS TESSALONICENSES.
O VERBO ORAR APARECE NAS DUAS EPÍSTOLAS AOS TESSALONICENSES APENAS 3 VEZES: 1 TS 5,17.25 E 2 TS 3, 1. TODAS ESTAS OCORRÊNCIAS SÃO PEDIDOS (MESMO QUE EM FORMA VERBAL IMPERATIVA), DE S. PAULO AOS TESSALONICENSES, DANDO-LHES UMA NORMA DE CONDUTA, UM HÁBITO A ADQUIRIR.
EM 1 TS TRATA-SE SOMENTE DE ORAÇÃO DE PEDIDOS A DEUS.
POR MEIO DESTE TERMO S. PAULO NÃO ENTENDE O QUE CHAMAMOS DE "ORAÇÃO MENTAL" OU "MEDITAÇÃO, NEM "CONTEMPLAÇÃO". NÃO QUE ESTAS FORMAS DE ORAÇÃO FOSSEM DESCONHECIDAS POR ELE. SÃO FORMAS IMPLÍCITAS NO SEU MODO DE PROCEDER, PORQUE SUA INSISTÊNCIA NO "SEM CESSAR" NOS IMPEDE DE VER NESTA ORAÇÃO DE INTERCESSÃO DE S. PAULO UMA EXPRESSÃO DE PURA ORAÇÃO VOCAL.
POR QUAL MOTIVO S. PAULO ORA, QUAL É O CONTEÚDO DE SUA MEDITAÇÃO?
NAS EPÍSTOLAS ELE LEMBRA SEMPRE: É O CUMPRIMENTO DE SUA MISSÃO APOSTÓLICA, A COMUNIDADE, A IGREJA, SUA PASTORAL, A SANTIFICAÇÃO DOS CONVERTIDOS: 1 TS 3,13.
E TUDO EM VISTA DA OBTENÇÃO DA SALVAÇÃO NO DIA DA VINDA DE CRISTO NA PARUSIA, DIA EM QUE, PELA SANTIDADE VIVIDA, PELA VIDA IRREPREENSÍVEL, OS CRISTÃOS SERÃO LIBERTADOS DA IRA DIVINA E SALVOS POR JESUS CRISTO; 1 TS 1,9-10; 3,13\; 5,23. ESTE, PORTANTO, DEVE SER TAMBÉM O CONTEÚDO DA ORAÇÃO DOS CRISTÃOS DE TESSALÔNICA. NÃO SE ENTENDE POR MEIO DE 1 TS, A ORAÇÃO DE OUTRA FORMA.

A SANTIDADE E SANTIFICAÇÃO EM 1 TS

PARA S. PAULO A SANTIFICAÇÃO TEM UM OBJETIVO CLARO, QUE É O DE ESTAR PRONTO PARA O JUÍZO E A RESSURREIÇÃO NO ÚLTIMO DIA. FOI PRINCIPALMENTE PARA ISTO QUE S. PAULO ESCREVEU AOS TESSALONICENSES: EM VISTA DA PARUSIA.
MAS COMO ESTAR PRONTO, COM A SANTIDADE QUE JESUS CRISTO ESPERA ENCONTRAR EM CADA PESSOA BATIZADA?
SEGUE-SE DISTO UMA ÉTICA MUITO BEM FUNDAMENTADA E EXIGENTE: 1 TS 4,1-12.

O PROCESSO DE SANTIFICAÇÃO

O SUBSTANTIVO "SANTIFICAÇÃO" INDICA O PROCESSO PELO QUAL DEUS SANTIFICA OS TESSALONICENSES. SUA PRESENÇA NESTA EPÍSTOLA ESTÁ EM 1 TS 4,3.4.7. APARECE TAMBÉM EM 2 TS 2,13. (VER TAMBÉM RM 6,19.22 E 1 COR 1,30)
EM 1 TS 4,3 ESTA SANTIFICAÇÃO É OPOSTA A LUXÚRIA.
EM 1 TS 4,4 SE TRATA DA SANTIDADE CONJUGAL, E EM 4,7 SE OPÕE À "IMPUREZA", TERMO QUE S. PAULO USARÁ EM RM 1,2 PARA CONDENAR A CONDUTA ORA OBSCENA DOS PAGÃOS, NO DESRESPEITO MÚTUO DE SEUS CORPOS POR UMA SEXUALIDADE DEPRAVADA.
A) ESTE TERMO, PORTANTO, TEM UM CONTEÚDO ÉTICO ACENTUADO, E, ESPECIFICAMENTE NESTES USOS DE 1 TS, APLICA-SE À MORAL SEXUAL GERAL E À MATRIMONIAL.
O VERBO "SANTIFICAR" APARECE EM 1 TS 5,23. NAS DEMAIS CARTAS ESTÁ EM RM 15,16; 1 COR 1,2; 6,11;7,14;EF 5,26
1 TS 5,23:
O PRÓPRIO DEUS DA PAZ VOS SANTIFIQUE COMPLETAMENTE E TODO O SER VOSSO: O ESPÍRITO E A ALMA E O CORPO SEM MANCHA NA PARUSIA DO SENHOR NOSSO JESUS CRISTO SEJA GUARDADO (TO@ 8@q 0D


B) É DEUS QUEM SANTIFICA, E SANTIFICA O HOMEM TODO, EM VISTA DA PARUSIA.
NOTA-SE, NOVAMENTE A SANTIDADE COM SEU OBJETIVO E CONDIÇÃO; A SALVAÇÃO NO DIA DA PARUSIA. E TUDO ISTO DEVE SER INICIALMENTE ENTENDIDO E EMPREENDIDO COM A AJUDA DO "DEUS DA PAZ" DE 5,23A.
RESULTA PORTANTO DESTA SANTIDADE, DA OBRA SANTIFICADORA DE DEUS, INICIALMENTE A SEGURANÇA DA PAZ, E FINALMENTE A SALVAÇÃO.
A SANTIFICAÇÃO COM ESTADO EM QUE DEUS MANTÉM OS TESSALONICENSES:
A PALAVRA GREGA QUE DIZ "SANTIDADE" NO CORPO PAULINO APARECE APENAS EM RM 1,4; 2 COR 7,1 E 1 TS 3,13.
EXAMINANDO 1 TS 3, 13:
A FIM DE CONFIRMAR VOSSOS CORAÇÕES IRREPRENSÍVEIS NA SANTIDADE DIANTE DE DEUS E PAI NOSSO.
DE DOIS MODOS ESTA SANTIDADE SE MOSTRA EXIGENTE, PORQUE O HOMEM NÃO PODERÁ CAMUFLAR-SE DE SANTO, POIS ESTÁ DIANTE DE DEUS, E ESTARÁ DIANTE DE JESUS CRISTO NO DIA DA PARUSIA. DEUS SONDA OS CORAÇÕES: 2,4. EM OUTRAS PALAVRAS, O AMOR A DEUS SE MOSTRA COM A RETIDÃO DA CONSCIÊNCIA LIMPA.
IDEIAS AFINS A ESTAS ESTÃO PRESENTES EM 1 TS 2,12; 4,3.4.7; 5,5.22.23

CONCLUINDO ESTE ÍTEM:
1.TANTO A ORAÇÃO COMO A SANTIFICAÇÃO EM 1 TS SE INSEREM NO QUADRO GERAL A TEOLOGIA DESTA EPÍSTOLA, ISTO É, EM SUA TEMÁTICA FUNDAMENTAL QUE É A SALVAÇÃO DOS PAGÃOS CONVERTIDOS E A ESPERA DA PARUSIA.
2. A ORAÇÃO PARA S. PAULO É IMPLICITAMENTE ENTENDIDA COMO UM PROCEDIMENTO HABITAL DO CORAÇÃO, MAS DEVE SER EXPRESSA ORALMENTE E COM FREQUÊNCIA.
3.A SANTIDADE É EFEITO DA AÇÃO DE DEUS EM VISTA DA SALVAÇÃO.
4. SECUNDARIAMENTE A SANTIFICAÇÃO TEM UM ASPECTO ÉTICO, QUE, DO MESMO MODO QUE A SANTIDADE ORIENTA-SE À SALVAÇÃO NO DIA DA PARUSIA.

Um comentário:

  1. Este resumo foi extraído de uma apostila do curso de Teologia Pastoral ministrado por Pe. Josué, em Anchieta, ES no ano de 2002 e está contido na matéria sobre as Epístolas Paulinas.
    Todo teólogo instruído na doutrina do Reino de Deus, deve ser como o dono da casa que de seu tesouro tira o novo e o velho (Mt 13,52)."

    ResponderExcluir

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...