domingo, 23 de agosto de 2009

Amigos ( VII )


Publicado em 14 de dezembro de 2008 no http://espiritual-idade.spaces.live.com/


Oração

SENHOR,
OUTRO DIA, FIZ UMA COLCHA DE RETALHOS.
AO PEGAR CADA PEDAÇO, RECORDAVA-ME DE PESSOAS, ACONTECIMENTOS...
COMO SE CADA UM TIVESSE SUA HISTÓRIA PARA CONTAR.
FUI COSTURAR. CORES QUE À PRIMEIRA VISTA NÃO COMBINAVAM, PADRÕES E DESENHOS TOTALMENTE DIFERENTES, TUDO SE JUNTOU.
A COLCHA FICOU PRONTA. E COMO FICOU BONITA!
E FICO PENSANDO:
TU CRIASTES TODOS OS SERES DIFERENTES. NINGUÉM É IGUAL AO OUTRO. NADA DE REPETIÇÃO,DE MONOTONIA. E NÃO SÃO SÓ DIFERENTES FISICAMENTE. TODOS PENSAM DIFERENTE, SENTEM DIFERENTE, AGEM DIFERENTE.
UM COMPLETA O OUTRO. UM APOIA O OUTRO.
QUE MARAVILHA É UMA COLCHA DE TANTOS SERES DIFERENTES, FORMANDO A HUMANIDADE.
POR QUE QUERO QUE TODOS SEJAM IGUAIS, PENSEM IGUAL, SINTAM IGUAL?
EU SOU UM PEDACINHO NO GRANDE CONJUNTO. EMBELEZO SUA CRIAÇÃO DE UM DETERMINADO MODO. OUTROS REALÇAM OUTRAS CORES, OUTROS PADRÕES.
IMPORTANTE É QUERER SER "COSTURADO" AOS OUTROS RETALHOS E NÃO FICAR ISOLADO.
TODOS UNIDOS À PROCURA DA UNIÃO E DA FRATERNIDADE, CADA UM DO SEU MODO, FORMAM A GRANDE COLCHA DA UNIDADE NA PLURIFORMIDADE.
OBRIGADA, SENHOR!

Hoje também chove lá fora... a natureza está tristonha com algo... mas eu estou bem feliz...
Eu tenho três colchas de retalho... uma ganhei de uma amiga em MG, D. Zenita... um amor de pessoa, com seus setenta passados, vividos na Ternura e na Bondade de Deus...
Gosto muito de colcha de retalhos... acho-as bonitas mesmo... reconheço que, quem faz um trabalho assim, usa de muita criatividade... fica tão bonito o efeito produzido pelas mesmas... muito colorido... de bom gosto quando se combinam as cores em contraste com um fundo de uma só cor...
Falando sobre a temática da amizade, percebo a estreita relação dos amigos na minha vida, comparando cada um como se fosse um quadrado distinto... com seu próprio temperamento... seu jeito peculiar...
Se fizer um olhar retrospectivo, sinto hoje, como Deus foi me dando uma amiga a cada tempo, exatamente para que em meu coração fosse formada uma enorme "colcha de retalhos"...
Hoje ela está lindíssima... muito colorida e de um efeito surpreendente...
Reconheço que minha colcha nem sempre esteve assim tão vistosa...
Muitas vezes, ela esteve muito amassada... sem brilho algum... devia estar sem a atenção necessária...
O tempo mesmo foi se encarregando de a tornar menos "deformada"... era um mimo em alguma parte da mesma... era o esforço pessoal para mantê-la impecável... era a Graça de Deus que nunca me faltou... para que ela não ficasse desgastada demais...
Só sabia que (pensava eu) ela estava ficando muito velha e impossível de ter uma função tão atraente como no início de sua "confecção"...
... ainda que fosse adornar... pura e simplesmente...
Mas vejo hoje. com maior nitidez, que ela ainda pode abrigar num dia de frio...
... que ela ainda pode reluzir elegância...
... que ela tem um brilho próprio que o tempo nem a maldade humana conseguem destruir...
... o mais bonito que ela se sente "normal" diante de outras mais "novas e modernas"...
Deus, quando nos cria, nos faz original, nada nem ninguém consegue impedir o efeito único de nossa própria função e utilidade...
Não importa como nos deram uso...
O importante é que fomos criados e recriados por Deus e cada amigo ajudou a costurar cada pedaço de nós ...

No filme "Colcha de Retalhos"... percebi como é importante a gente deixar cada amiga colocar seu "palpite"... sua ajuda valiosa... seus dons... seu jeitinho de ser... no final de nossa vida, somos tão bonitos, tão "trabalhados" pela parte externa, para que o "trabalho" fique apresentável... e, na parte interna... para que não tenhamos um "avesso" sem possibilidade de sermos apreciados... mal "arrematados"...
Como foi importante cada amiga ir colocando sua história também naquela bela colcha de retalho... ajuda a ficar mais consistente a história da mesma...
Mas nós, como colcha de retalho que somos, deveríamos nos deixar trabalhar e confiar no trabalho dos "ajudantes de Deus"...  nada acontece por acaso, tudo tem um fim...
Esperemos e veremos que trabalho perfeito e lindo num futuro não tão distante... se Deus quiser!

Terminei meu dia muito bem, uma senhora, irmã de uma amiga, me deu a seguinte "dica" quando de sua casa saí:
"Não tenha medo! O mundo reconehce sua diferença e vai aceitar o seu diferencial..."

Deus ama a unidade formada pela diversidade.
Muito obrigada, Senhor.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua espiritualidade aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...